Fale Conosco

Noutros tempos, uma testemunha ocular podia ser acusada de mentir com os próprios olhos. Hoje, as retinas viraram celulares filmadoras.

As imagens abaixo, captadas no morro carioca do Alemão, ganharam a web na noite deste domingo (4). Mostram um rififi envolvendo soldados e moradores.

Os militares integram a Força de Pacificação do Alemão. A julgar pelas imagens, portaram-se de modo pouco pacífico.

Imagem feita por morador do Alemão, no Rio, mostra jovem atingido por balas de borracha durante confronto com o Exército

A origem da encrenca foi um aparelho de TV. Instalado num boteco, exibia uma partida de futebol. Moradores assistiam da rua.

Os soldados ordenaram que o volume do televisor fosse abaixado. Desatendidos, cortaram o som. A atmosfera ficou carregada.

O vídeo tem 6min40s. Repare que, na altura de 3min30s, dois soldados se aproximam do pedaço da calçada onde se encontrava o portador da microfilmadora.

Um deles dispara um jato de spray de pimenta. Outro apontada uma arma contra os alvos. Foi a partir desse ponto que a coisa desandou.

Em meio ao lufa-lufa, voaram balas de borracha. Pelo menos duas pessoas foram feridas. Uma, na boca.

Três moradores foram detidos para “averiguação”. Responsável pela comunicação da tropa, o major Marcus Bouças, atribuiu o ocorrido ao “excesso de bebida.”

Se desperdiçar um naco do seu tempo assistindo ao vídeo da ‘testemunha celular’, o major talvez conclua que houve também outro tipo de excesso no Alemão.

Com Blog do Josias