Fale Conosco

Escolhido pelo prefeito de Campina Grande Romero Rodrigues (PSD) para representar seu legado na cidade, o ex-secretário Chefe de Gabinete da PMCG, Bruno Cunha Lima (PSD), parece ter muito a perder com uma eventual derrota nas urnas, pois poucos sabem, mas o cunhado de Bruno Cunha Lima, Dr. Tito Lívio Vieira de Souza e Cavalcanti, casado com a odontóloga Andrea Cunha Lima e atual ocupante do cargo em comissão de diretor clínico do Hospital Municipal Pedro I, recebeu no ano de 2020, quase R$ 140 mil reais da gestão Romero, via empresa, T&G Consultório Médico LTDA – ME (CNPJ n° 30.557.090/0001-87, do qual é sócio administrador.

Ocorre que a empresa, T&G Consultório Médico LTDA – ME (CNPJ n° 30.557.090/0001-87 –, que tem o Dr. Tito Lívio como sócio administrador, foi contratada pelo Fundo Municipal de Saúde, vinculado a Secretaria de Saúde do município de Campina Grande – PB para plantões.

Segundo pesquisa, apesar de possuir cadastro na Receita Federal como consultório, tendo como natureza jurídica “atividade médica ambulatorial e consultas”, a empresa, por intermédio de plantões do Dr. Tito Lívio, recebeu, entre janeiro e agosto de 2020, cerca de R$ 135.260,00 (cento e trinta e cinco mil, duzentos e sessenta reais), onde além de prestar plantões ao SAMU, Hospital Bezerra de Carvalho, a empresa do Dr. Tito Lívio, presta serviços para o Hospital Municipal Pedro I, ao qual é diretor clínico. (Veja matéria que comprova o cargo do cunhado de Romero: https://paraibaonline.com.br/2020/06/hospital-pedro-i-investe-em-tratamento-humanizado-para-pacientes-com-covid-19/).