Fale Conosco

Cerca de 60 médicos cirurgiões que atuam no hospital de Trauma de João Pessoa estão com as atividades paralisadas desde a 00h de hoje. A paralisação é decorrente da não renovação do contrato dos médicos com a Cruz Vermelha.

 A cooperativa dos médicos procurou entendimento com a diretoria da Cruz Vermelha, contudo não houve entendimento entre a categoria e a gerência do Trauma. De acordo com a cooperativa, a diretoria do Trauma não paga os salários dos médicos desde outubro de 2011 e o contrato venceu no final de janeiro.

 O Governo do Estado tem a obrigação de resolver esse problema, uma vez que a paralisação está acontecendo às vésperas dos festejos de carnaval e a sociedade fica mais vulnerável a acidentes, ferimentos com armas de fogo e sem a assistência médica do Trauma os riscos de complicações fatais ficam iminentes.