Fale Conosco

“Morra quem morrer” foi o que afirmou o prefeito de Itabuna, Fernando Gomes(PTC), ao anunciar que o município baiano, que fica a 436 km de Salvador, reabrirá o comércio. O prefeito falou a frase que gerou a polêmica durante uma entrevista para a imprensa do município em que anunciava o adiamento da reabertura das atividades na cidade por mais uma semana devido ao alto número de infectados.

“Primeiro lutar pela vida, a vida é uma só. Morreu, acabou. Não tem fortuna, não tem pobreza, não tem falência, não tem nada. Mas não posso abrir uma coisa sem cobertura. Na dúvida, com gente nossa morrendo por causa de leito em Itabuna, vou transferir a reabertura, mandei já fazer um decreto. Dia 9 abre, morra quem morrer”, disse.