Notícias

Ministro paraibano sugere, e TCU vai fiscalizar se preço de passagens aéreas diminuiu após cobrança por bagagens

O ministro do Tribunal de Contas da União, o paraibano Vital do Rêgo sugeriu, e o TCU acatou a ideia de fiscalizar se efetivamente os preços das passagens aéreas caíram a partir da cobrança por bagagem nos aviões. O trabalho será feito junto a Agência Nacional de Aviação Civil – Anac –  e há indícios de que os bilhetes não tiveram redução nos preços. A sugestão ocorreu durante sessão no pleno do TCU na última quarta feira.

ENTENDA O CASO – No mês passado a Agência Nacional de Aviação Civil passou a permitir que as companhias áereas cobrassem, separadamente,  o valor da passagem pelo transporte do passageiro e a quantia pelo despacho de malas.  Antes o preço do bilhete já se referia aos dois serviços. Em tese com o novo procedimento o valor das passagens deveria diminuir , pois estaria deduzido o custo do despacho de bagagem.

A cobrança, em separado, do bilhete de passagem e da bagagem, teria a finalidade de evitar que quem não viajasse com malas, não pagasse o mesmo valor de quem despachasse bagagens. Haveria um sentido de justiça nos preços para quem utilizasse apenas um serviço, e quem efetivamente aproveitasse os dois serviços ( transporte de passageiro e transporte de bagagens).

Tags: Tags: