Fale Conosco

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) instaurou, na terça-feira (20), quatro procedimentos investigatórios para apurar diversas irregularidades na gestão do município de Cajazeiras. Uma delas é na estrutura e funcionamento do Hospital Regional de Cajazeiras. Outra denúncia diz respeito a suposto beneficiamento de servidor público comissionado nos contratos de locação de veículos para a Secretaria de Educação.

Já o prefeito José Aldemir está sendo acusado de praticar ato de improbidade administrativa pela contratação de serviços de advocacia.

E, por último, o MPPB instaurou um procedimento para investigar denúncia de violação a uma lei federal em razão da ausência de procedimento prévio denominado de “chamada pública”, bem como a utilização de “Termo de Convênio” com instituições do município, nos exercícios 2017 e 2018, em desacordo com a legislação.

Da redação