Fale Conosco

“Pior é você lançar um nome e depois ter que retirar”. A afirmação é do líder da bancada governista na Câmara Municipal de João Pessoa, Milanez Neto (PTB), em referência ao PSB, que lançou o nome de João Azêvedo à Prefeitura de João Pessoa nas eleições passadas e depois voltou atrás, e em certo tom de crítica ao grupo oposicionista por, segundo ele, perderem o maior nome para ganhar a eleição, o prefeito da Capital Luciano Cartaxo (PV).

Lucélio Cartaxo (PV) vem sendo cogitado nas últimas semanas para compor a chapa majoritária ao governo do estado, muitos o colocam na disputa ao Palácio da Redenção. Milanez acredita que a oposição tem muitos nomes, entre eles o de Lucélio, faz parte do leque de perspectivas do grupo. “Ele foi candidato a senador, teve mais de 500 mil votos, é um nome a ser analisado”, pontuou.

Vereador criticou ainda a oposição por ter retalhado o nome de Luciano Cartaxo, que para ele era o maior nome para ganhar a eleição. “Pior é você lançar um nome e depois ter que retirar”, afirmou. O vereador voltou a destacar que a oposição tem muitos nomes a serem discutidos e que isso é fruto da aceitação popular aos diversos nomes oposicionistas.