Fale Conosco

O menino Pedrinho, que se tornou conhecido por ter sido raptado na maternidade e passar 16 anos desaparecido, voltou a ser lembrado pela mídia. Atualmente, Pedro Rosalino Braule Pinto atua como advogado do senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG). As informações foram reveladas pela Gazeta Online.

Pedro foi raptado em 1986, recém-nascido, na maternidade Santa Lucia, em Brasília. Ele ficou desaparecido por 16 anos e o caso ganhou destaque em 2002, quando Pedro foi localizado em Goiânia vivendo como filho de Vilma Martins Costa, com o nome Osvaldo Martins Borges.

Pedro tem hoje 30 anos, é formado em Direito e atua como um dos advogados de defesa de Aécio Neves.

Vilma, a mãe que raptou Pedrinho, foi condenada a 19 anos e nove meses, em 2003, e teve redução de pena de quatro anos graças a recursos. Após cumprir cinco anos, em regime fechado, semiaberto e aberto, recebeu em 2008 a liberdade condicional. Em 16 de fevereiro de 2019 a pena dela termina.