Fale Conosco

Poucos abem o que está acontecendo nos bastidores do Governo Ricardo Coutinho e porque secretários de estado caem da noite para o dia igual manga podre.

Resguardo-me o direito de só falar na hora certa para deixar o governador se enfocar politicamente com o próprio discurso que forjou.

Semanas atrás eu antecipei que o secretário de Saúde, Mário Toscano, estava demissionário e estava, mas naquela data não deixaram ele sair ou não tiraram ele para não parecer um dominó em seqüência, já que Fernando Abath, então secretário de Educação, tinha renunciado ao cargo.                                          

Agora a Secom confirma o que antecipei lá atrás e voltei a cantar a bola hoje pela manhã: Ricardo vai oferecer os anéis para não perder os dedos.

A saída do secretário de Saúde é conseqüência de várias coisas acumuladas, mas manterei em off até a hora certa.

Dirão que foi indisposição com a secretária de Saúde do Município Roseana Meira e foi, mas não pelo fato apenas de ser um mamulengo.

Mário Toscano perdeu “algo” que desmoraliza o discurso do governador e deixa o MP em saia justa – aliás justíssima – por insistir em acreditar em uma tese mentirosa, desumana, descarada. Mais ainda, traz para o sarapatel outras esferas.

Bom estrategista, Nonato Bandeira manda oferecer anéis para proteger os dedos e na seqüência lógica a próxima cabeça a rolar é a do secretário Walter Aguiar, tão peralta e trapalhão quanto Mário.

Pergunto: e Gilberto Nepotismo Cruzado Carneiro? O homem responsável pela implementação das medidas, que devia ser uma hóstia consagrada, foi pego com a mão na botija, ou melhor: empregando a esposa no TRT em troca de nomeações cruzadas e sai ileso?

O que o governo socialista vai dizer a sociedade quando vier a público a verdade nada mais do que a verdade?

Estão rolando os dados…