Fale Conosco

O governador Ricardo Coutinho dificilmente terá o que comemorar a sua recente visita a Monteiro. Um grupo de estudantes e funcionários demitidos (por Ricardo) do Hospital Santa Filomena promoveu uma ruidosa manifestação com faixas e palavras de ordem, durante a passagem do candidato do PSB pelas ruas da cidade.

Nas faixas, os manifestantes cobravam do governador o não cumprimento pela implantação do curso de Direito, no campus da UEPB de Monteiro, prometido por ele há quatro anos. E enquanto alguns protestaram contra as demissões do Hospital, além da desativação da UTI, outros questionavam o suposto “calote” do Governo na Prefeitura em relação aos custos da UPA e do SAMU.

Segundo a administração municipal, a Prefeitura está “há nove meses sem receber os repasses de custeio que o Estado tem a obrigação de pagar”. Quanto à UTI, os manifestantes lembraram que o governador afirmou em seu guia eleitoral que a unidade estava funcionando no Hospital Regional, “mas isto não é verdade”.

BHM