Fale Conosco

O ex-presidente Lula está se metendo agora nas candidaturas locais para a Prefeitura de São Paulo, primeiro ele mexeu na base aliada de Marta Suplicy e depois elegeu a ministra do Planejamento “a nova mãe do PAC” prevendo a candidatura dela para uma prefeitura na região metropolitana de São Paulo.

A jornalista Vera Magalhães escreveu um texto em que disserta sobre a mudança do ex-presidente e sua atual postura. Leia publicação abaixo:

“Blog Presidente 40: Miriam Belchior é a nova ‘mãe do PAC’

Vera Magalhães

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tratou de transferir a maternidade do PAC nesta sexta-feira, em São Bernardo, da presidente Dilma Rousseff para a ministra Miriam Belchior (Planejamento).

Questionado sobre uma eventual candidatura de Miriam –que tem base eleitoral em Santo André e foi casada com o ex-prefeito Celso Daniel, morto em 2002– a prefeita no ano que vem, Lula disse que ela seria um “excelente nome”, mas tem que ficar na equipe de Dilma.

“Antes a Dilma era a mãe do PAC”, disse Lula. “Agora, a mãe do PAC é a Miriam.”

Ele defendeu o nome do ex-secretário geral do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC e atual deputado estadual Carlos Alberto Grana como um “excelente candidato” para governar Santo André.

Lembrado sobre a pré-candidatura do também deputado Vanderlei Siraque, disse: “Conheço o Grana, conheço o Siraque. Os dois seriam excelentes candidatos.”