Fale Conosco

O presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba, Joás de Brito, transferiu o juiz que analisaria o pedido de prisão preventiva de Rodolpho Carlos, Antonio Maroja Limeira Filho, para a 1ª Vara Mista da Comarca de Bayeux.

Rodolpho é responsável pelo atropelamento e morte do agente de trânsito Diogo Nascimento no dia 21 de janeiro, em caso que causou comoção e revolta nacional.

Antônio Maroja estava presidindo 1º Tribunal do Júri interinamente, em virtude do titular se encontrar de férias. Outro juiz será designado para o tribunal e, consequentemente, por analisar o pedido de prisão.

Confira:

Fonte:Wscom