Fale Conosco

O prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena (Progressistas), anunciou nesta segunda-feira (22), que a Capital paraibana deve adotar o toque de recolher das 22h às 5h. A medida visa barrar a disseminação do coronavírus na cidade. Segundo o prefeito, bares e restaurantes só poderão comercializar bebidas até as 20h, com horário de funcionamento até às 22h.

A declaração do gestor municipal foi dada durante entrevista ao Programa Correio Manhã, da 98 FM. Ele deverá ainda se reunir com o governador João Azevêdo (Cidadania) e com os prefeitos da Região Metropolitana para estudar a medida. O anúncio oficial deve ser feito nas próximas horas.

“Nós queremos o toque de recolher a partir das 22h. Ninguém saindo casa. Toda ação que vamos tomar com o Governo do Estado vai ser acompanhada de fiscalização. Não podemos, por conta do procedimento errado de alguns, penalizar todos os setores”, disse Cícero.

Para reduzir o risco de aglomeração, já houve aumento da frota de transporte público. A partir desta segunda-feira (22), 21 ônibus a mais estarão circulando na cidade. A Superintendência de Mobilidade Urbana (Semob) segue determinação do prefeito Cícero Lucena para a diminuição da concentração de usuários principalmente em horários considerados de pico.

Outras medidas restritivas podem ser adotadas, como o fechamento do comércio uma hora mais cedo para evitar aglomeração no transporte público. Cícero, no entanto, descarta fechamento de igrejas e academias, porém, reforça que os protocolos de segurança sanitária devem ser respeitadas nesses ambientes.

“Quantos pastores estão trabalhando de forma correta, levando a palavra de Deus, o conforto espiritual, obedecendo os protocolos. Se tem um ou outro que não faz isso, que esses sejam fechados e não os que estão trabalhando corretamente”, ressaltou.