Fale Conosco

A Prefeitura de João Pessoa terá novo prazo para providenciar as licenças necessárias para as intervenções no Porto do Capim para as obras do Parque Ecológico Sanhauá. A obra foi embargada pelo IPHAEP na sexta-feira (31) e liberadas no último sábado (1º).

De acordo com a nota divulgada pela Secretaria de Comunicação da Paraíba, o governador João Azevêdo, ao analisar pessoalmente o relatório do órgão constatou que “a administração municipal ainda não possui as licenças necessárias para execução do projeto na área.”

Desta forma, foi dado novo prazo para a prefeitura regularizar os documentos. “Com a suspensão do embargo, a prefeitura de João Pessoa está livre para dar continuidade ao cronograma de intervenção na área, dentro do novo prazo estabelecido, após análise e deferimento”, diz a nota.

Da redação