Fale Conosco

Em sessão ordinária realizada pela Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), o deputado estadual Inácio Falcão expôs que a Energisa, empresa responsável distribuição de energia elétrica na Paraíba, pode estar atuando de forma irregular no Estado.

O parlamentar manifestou seu posicionamento durante a apreciação de matéria que tratava da instalação, produção e consumo de fontes de energias renováveis na Paraíba, como a eólica e a solar.

Inácio Falcão pediu para que os deputados, que são os representantes do povo, se aprofundem no tema, pois ilegalidades por parte da empresa estão sendo denunciadas em diversas regiões paraibanas. “Eu tenho me preocupado por que a [empresa de] energia eólica está pedindo, em território paraibano, a exemplo da cidade de Junco do Seridó, a exemplo da cidade de Salgadinho, o domínio de posse de todas aquelas terras, impedindo o crescimento e o desempenho do trabalho de garimpeiros naquela região”, argumentou Inácio Falcão.

Conforme o parlamentar, ele solicitou à Polícia Federal um investigação com relação a essas empresas porque, juridicamente, trata-se de uma prática ilegal.

“Eu já provei e vou provar mais uma vez, de forma documental, que a Energisa Paraíba está trabalhando no Estado ilegalmente há mais de 20 anos. Eu tenho todos esses documentos para que possamos provar na Justiça, por parte dos Poderes Legislativo e Executivo da Paraíba que a Energisa está ilegal no nosso estado”, assegurou Inácio Falcão.