Fale Conosco

Está circulando na rede mundial de computadores um novo protesto contra a diminuição do duodécimo da UEPB. Agora, os espertos internautas questionam o valor liberado por Ricardo Coutinho para a Universidade comparando com o valor destinado a Assembleia Legislativa da Paraíba.

Enquanto a instituição de ensino superior recebeu a quantia de R$ 196.000.000,000, a Assembleia faturou a bagatela de R$ 194.000.000,000. Os internautas questionam “qual das instituições está recebendo demais?”.

O questionamento traz consigo outras reflexões: qual das instituições necessita receber mais? Qual delas beneficia mais pessoas?

Não quero dizer com isso que a Assembleia não precise do repasse, mas eu tenho certeza de que o governador Ricardo Coutinho jamais tiraria um centavo daquela casa legislativa, uma vez que os interesses dele por lá vão além do que imagina nossa vã filosofia.

Quanto a UEPB: ele tem bem menos consideração com os estudantes, professores, pesquisadores, que dependem de financiamento para melhorar a massa pensante da sociedade do que com os políticos, principalmente os aliados, que em sua maioria ajuda a obscurecer o entendimento do povo diante da realidade que a Paraíba vive.

Os protestos virtuais contra a atual gestão crescem a cada dia e o governador não consegue mais esconder que está sendo desmoralizado pelos próprios paraibanos que, em um triste dia, resolveram confiar a direção do Estado à mão erradas.