Fale Conosco

Em menos de duas horinhas de conversa ao vivo, o governador Ricardo Coutinho dá primeiros sinais de que não está nada bem. Dentre tantas contradições que os telespectadores mais atentos puderam perceber, o que mais chamou atenção foi a garantia de que o Governo do Estado investiu mais em Campina Grande do que em João Pessoa.

“Nós investimos tanto internamente em Campina Grande, aliás, nós investimos mais em Campina Grande do que propriamente em João Pessoa”, assegurou Ricardo veementemente.

E foi além: “Só é pegar os registros para comprovar”, retrucou na sequência.

Pois bem, vamos pegar os números enviados pela própria secretaria de Comunicação do Estado referentes aos investimentos anunciados na manhã de hoje, em solenidade no Palácio da redenção:

João Pessoa foi agraciada com a quantia de R$ 102.810.744,32, referentes a 19,01% dos investimentos anunciados.

A Campina Grande coube apenas a pequena quantia de R$ 10.088.172,52, correspondendo 1,87% dessa fatia.

Opa! Calma aí Ricardo Coutinho. Quem está com a verdade? Você ou sua assessoria?

Será que a Secretaria de Comunicação está repassando informação errada, está sem comandante, ou o governador ficou pinel de vez?

O governador precisa se entender melhor com o secretário Nonato Bandeira para afinar os ponteiros do discurso. Será que estamos presenciando aos primeiros conflitos do que vai culminar no despetalar dos girassóis?

Confira demais cidades que receberam recursos e valores dos investimentos de acordo com texto enviado pela SECOM-PB:

MUNICÍPIOS VALOR – R$ %  

São João do Rio do Peixe 111.565,56 0,02%  

Sobrado 204.702,58 0,04%  

Santana de Mangueira 235.670,58 0,04%  

Aguiar 236.158,71 0,04%  

Emas 236.158,71 0,04%  

Nova Palmeira 236.158,71 0,04%  

Nazarezinho 261.740,97 0,05%  

Cachoeira dos Índios 261.819,12 0,05%  

São José da Lagoa Tapada 262.208,97 0,05%  

Mataraca 274.386,62 0,05%  

Ibiara 311.829,55 0,06%  

Desterro 384.556,11 0,07%  

Água Branca 384.623,72 0,07%  

Riacho dos Cavalos 384.634,25 0,07%  

Araruna 426.956,13 0,08%  

Ingá 1.070.000,00 0,20%  

Itabaiana 1.150.000,00 0,21%  

Alhandra 1.578.888,99 0,29%  

Cruz do Espírito Santo 3.100.000,00 0,57%  

São José dos Cordeiros 3.366.539,15 0,62%  

Coxixola 3.550.250,95 0,66%  

Itaporanga 4.784.000,41 0,88%  

Cabaceiras 5.073.514,10 0,94%  

Caraúbas 5.470.664,73 1,01%  

Livramento 6.256.756,50 1,16%  

Patos 9.295.693,55 1,72%  

Queimadas 6.891.087,18 1,27%  

Serra Branca 8.000.000,00 1,48%  

Taperoá 8.000.000,00 1,48%  

Guarabira 8.017.790,03 1,48%  

Cuité 8.224.704,71 1,52%  

São José de Piranhas 8.363.945,27 1,55%  

Mamanguape 8.378.839,99 1,55%  

Coremas 8.517.955,89 1,58%  

Alagoa Grande 9.374.528,55 1,73%  

Sousa 9.375.598,70 1,73%  

Belem do Brejo do Cruz 9.985.442,15 1,85%  

Campina Grande 10.088.172,52 1,87%  

Aroeiras / Gado Bravo 11.135.153,05 2,06%  

Santa Rita 14.936.296,62 2,76%  

Bayeux 19.279.083,58 3,57%  

Cajazeiras 21.548.602,80 3,98%  

São Bento 22.399.539,05 4,14%  

Diversos – adut. Camará/Água Doce 74.052.872,01 13,69%  

João Pessoa 102.810.744,32 19,01%

Outros – ref. Escolas/rec. Estradas 122.464.264,16 22,65%