Fale Conosco

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), atendeu pedido do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) e determinou a suspensão das investigações sobre o parlamentar no Rio de Janeiro. O procedimento investigatório sobre o senador foi aberto pelo Ministério Público a partir de relatórios do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).

Em uma reclamação apresentada ao STF no início de setembro, o senador afirma que, mesmo diante de decisão do presidente do Tribunal, Dias Toffoli, as investigações sobre ele prosseguiram.

Em julho, Toffoli determinou a suspensão de todos os processos e investigações nos quais houve compartilhamento sem autorização judicial de dados sigilosos detalhados de órgãos de inteligência, como o extinto Coaf – hoje Unidade de Inteligência Financeira (UIF).

Da redação com G1