Fale Conosco

Os funcionários dos Correios confirmaram que realizarão na próxima terça-feira(04) uma paralisação sem prazo para terminar. A decisão dos empregados da estatal são em resposta ao corte de benefícios promovido pelo Governo Federal. A ação dos servidores dos Correios poderá impactar a já fragilizada economia nacional.

A greve tenta impedir a aprovação da proposta da diretoria que pretende cortar benefícios e adequar outros as exigências da CLT, alegando que isto seria um reflexo da atual crise econômica causada pela covid-19. A mudança proposta pela diretoria da estatal poderá reduzir o adicional de férias, o adicional noturno, a licença maternidade e outras concessões em que os empregados dos Correios são mais beneficiados que um trabalhador comum que seja contratado sob regime de CLT. O apelido dado pelos empregados dos Correios para a proposta da diretoria foi “pacote da maldade”.