Fale Conosco

Nesta segunda-feira (01), o prefeito Nabor Wanderley e o secretário Municipal de Saúde de Patos, Segundo Brito, iniciaram a vacinação contra a Covid-19 nos profissionais de saúde da atenção básica.

A UBS Maria Marques, no bairro Jatobá, foi a primeira unidade a imunizar seus profissionais. No lugar, foram vacinados 20 trabalhadores da saúde. A técnica de enfermagem Dilma Moreira Campos, que já trabalha há mais de 30 anos pelo município, foi a primeira profissional a receber a dose.

O prefeito e o secretário fizeram um balanço da vacinação até o dia de hoje, e ainda explicaram que, ao contrário do que foi divulgado na semana passada, a vacinação das pessoas idosas a partir dos 80 anos, só terá início a partir desta quarta-feira (03), por motivo de melhor adequação ao calendário municipal.

Segundo Brito informou que, inicialmente, serão atendidas 15 unidades básicas de saúde localizadas em bairros com maior registro de pessoas infectadas pela Covid-19. Ele também confirmou que até a próxima quarta-feira pretende concluir a imunização desses profissionais para dar continuidade com as pessoas idosas a partir dos 80 anos, com dificuldade para locomoção ou que estão acamados.

Ainda de acordo com o secretário, a população de pessoas idosas cadastradas no município é de 2.234. Porém, a primeira remessa que o município recebeu foi de apenas 200 doses, e sendo assim, foi necessário estabelecer critérios para imunizar os idosos mais vulneráveis até que possa contemplar esse público na totalidade.

O prefeito Nabor Wanderley ressaltou que o município vem cumprindo fielmente as determinações no tocante à vacinação contra a Covid. O gestor ainda reforçou que após os profissionais das UBSs, as pessoas idosas serão o próximo público a ser imunizado.

Balanço da campanha Vacina Patos

Com a vacinação dos profissionais de saúde da linha de frente no combate ao coronavírus, o Município de Patos já imunizou até hoje um total de 1.826 pessoas.

O prefeito Nabor Wanderley fala sobre a vacinação dos profissionais das UBSs, ouça:

Escute também a declaração de Segundo Brito, secretário de Saúde de Patos: