Fale Conosco

Após ser condenado por nepotismo, o prefeito de Campina Grande Romero Rodrigues(PSD) tem seu nome envolvido em uma nova polêmica em torno do beneficiamento de familiares ao longo da sua gestão. A irmã do prefeito, Izabel Veiga de Oliveira, assim como o seu cunhado Antônio Hermano de Oliveira já teriam recebido ao longo da atual gestão mais de dois milhões em vencimentos salariais. Ambos desempenham cargos comissionados na Prefeitura Municipal de Campina Grande. A irmã de Romero atua como Coordenadora de Educação do Município e o cunhado é o Presidente do IPSEM.

Já nesta semana foram divulgados dados que comprovam que a empresa pertencente a Tito Lívio Vieira de Souza e Cavalcanti, cunhado do pré-candidato apoiado Romero Rodrigues, Bruno Cunha Lima(PSD), presta serviços ao hospital municipal Pedro I do qual ele é diretor técnico. A a empresa T&G Consultório Médico LTDA – ME, que tem o Dr. Tito Lívio como sócio administrador, foi contratada pelo Fundo Municipal de Saúde, vinculado à Secretaria de Saúde do município de Campina Grande para plantões.

Energy

Já a esposa e a filha do atual presidente da Empresa de Urbanização da Borborema, Luiz Alberto, possuem uma empresa que prestou serviços para a gestão de Romero Rodrigues no período em que Luiz era secretário do Desenvolvimento Econômico de Campina Grande.

Há poucos dias a população da cidade, também teve acesso a dados que comprovam que a empresa do cunhado do seu pré-candidato Bruno Cunha Lima (PSD) presta serviços ao órgão que coordena, bem como que seu atual presidente da Empresa de Urbanização da Borborema (Urbema) Luiz Alberto tem sua esposa e filha com empresa que prestou serviços a gestão Romero, no período em que Luiz Alberto era secretário de outra pasta.