Fale Conosco

A rede Globo denunciou na noite desse domingo, no Fantástico, o esquema de desvio de verba promovido pela Empresa “Ideia Digital” e a prefeitura de João Pessoa, através da secretaria de Ciência e Tecnologia, e que, supostamnte, isso rendeu alguns milhões aos bolsos do atual ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro (PP) e do governador Ricardo Coutinho (PSB).

Na reportagem, foi mostrada a negociação feita pela empresa, oferecendo o valor de 5 a 10% para os contratos, valores que devem ter sido repassados para o gestor da pasta a época, Aguinaldo Ribeiro. Os desvios podem ter beneficiado as campanhas do governador Ricardo Coutinho, de Aguinaldo Ribeiro e indiretamente de Daniella Ribeiro, irmã do ministro.

Lançado em 19 de março de 2010, o “Jampa Digital” tinha a promessa de levar internet sem fio à orla e 14 praça de João Pessoa, mas o serviço não funciona mesmo com investimentos na ordem de mais de R$ 6 milhões.

No lançamento, Aguinaldo comemora:  “Ta aí internet de graça, sem fio para toda galera de João Pessoa, parabéns”. Contudo a rede nunca funcionou. De acordo com a reportagem, os equipamentos foram superfaturados com valores três vezes acima do mercado e o lucro repassado para a prefeitura.

Também em 2010 Aguinaldo Ribeiro se elegeu deputado federal, o ex-prefeito saltou para o cargo máximo do governo estadual e a irmã do ministro garantiu uma vaga na Assembleia Legislativa.

A reportagem do Fantástico também apurou que a família Ribeiro utilizou R$ 137 mil da Assembleia Legislativa para tratamento de saúde no hospital Sírio Libanês, em São Paulo.

Nem Aguinaldo,nem Ricardo quiseram gravar entrevista. Depois dessa reportagem vai ficar complicado para o ministro e governador se explicarem.

Vai ficar difícil também para Daniella Ribeiro. Qual moral a deputada terá para criticar a saúde em Campina Grande, se ela própria se utiliza de verba pública para tratamento particular?

Confira reportagem do Fantástico na íntegra.