Notícias

Fábrica da Fiat em Goiana (PE) gera polêmica e discussões acerca da criação de empregos

A discussão do dia em todos os meios de comunicação é se a Paraíba será ou não beneficiada com a fábrica da Fiat que será instalada em Goiana (PE).

As opiniões estão divididas e a imprensa governista está comemorando como se a empresa viesse para João Pessoa e não para o estado vizinho que nos quer como capachos.

Acredito que é muito bom ter uma empresa nesse porte, mas não para nós paraibanos.

De nada vai adiantar à Paraíba uma empresa instalada nos arredores de Recife. Os empregadores vão dar lugar a um paraibano ao invés de goianense? Claro que não!

Porque tantas pessoas daqui comemoram um benefício que Eduardo Campos faz pelos eleitores dele enquanto Ricardo Coutinho está pouco, ou nada, ligandopara quem lhe confiou o voto.

O atual governante paraibano quer o Estado como quintal de Pernambuco. A Paraíba não teve direito ao porto de águas profundas que foi para Pernambuco, não teve direito de ter um aeroporto novo, que TAMBÉM foi para Pernambuco e não tem novas fábricas porque deixa para Pernambuco os benefícios que poderiam vir para os paraibanos.

Será que os empregos gerados pelo shopping de Roberto Santiago são mais importantes que os empregos criados com a instalação de indústrias na Paraíba.

A Paraíba vai regredir 40 anos em menos de quatro, é só esperar para ver, ou levantar e reivindicar uma mudança de postura desse governador que nos quer submissos.