Fale Conosco

O senador Veneziano Vital do Rêgo (MDB/PB) em entrevista a imprensa nesta terça-feira (22) disse, que esteve reunido com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM/MG), para cobrar uma pauta no tocante a tramitação do Projeto de Lei nº 2.564/2020, que trata da implantação do piso salarial da enfermagem.

Segundo ele, também participaram o encontro, os senadores Fabiano Contarato (REDE/ES) e Zenaide Maia (PROS/RN), autor e relatora da matéria, respectivamente, além do senador Fernando Bezerra (MDB/PE). Veneziano chamou a atenção para o baixo salário recebido atualmente pela categoria e ao mesmo tempo cobrou que o Governo Federal participe das discussões.

Veneziano também comentou sobre um encontro agendado entre o presidente do Senado, o representante do Conselho Federal de Enfermagem (COFEN), Conselhos Regionais de Enfermagem (COREN) e membros de sindicatos no sentido de discutir sobre os valores a serem estabelecidos no projeto.

“Há uma média entre o proposto em termos de piso maior e o menor, e você fazendo uma média terá um valor que seja algo que já demonstre e sinalize uma atenção a essas categorias. Eu acho que está mais próximo que outrora para que nós tenhamos em definitivo uma pauta aonde incluamos esse projeto”, comentou.

O PL 2.564/2020 institui o piso salarial nacional para enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem e parteiras. O projeto fixa o piso em R$ 7.315 para enfermeiros. Para os técnicos e auxiliares de enfermagem o piso salarial estabelecido é, respectivamente, de 70% (R$ 5.120,50) e 50% deste valor (R$ 3.657,50).