Brasil

Estudo do BC: quase 40% dos mais pobres entram no cheque especial

Um estudo do Banco Central, que foi entregue a parlamentares, mostrou que os mais pobres sofrem mais nas mãos dos bancos.

De acordo com o relatório, é a parcela que ganha até dois salários – quase 40% – que entra no cheque especial uma vez por mês. Boa parte desse grupo está comprometida em 39% da renda.

A informação é da coluna Radar da Veja.

Da redação

Tags: Tags: