Fale Conosco

Cartaxo tem muitas cartas na manga, muita bala ainda na agulha e engana-se quem achar que ele vai entregar barato a Prefeitura de João Pessoa. Quem me diz isso e apresenta as provas é um auxiliar do prefeito afeito aos holofotes e com muito prestígio.

Segundo ele, se pular a fogueira de 2016 o prefeito será imbatível em 2018, pois só restará ao governador Ricardo Coutinho apoiá-lo por gravidade.

Ele me conta também que o catatau de obras em andamento será concluído no tempo certo e, mesmo RC acelerando as obras de mobilidade, não terá como fazer frenteas ações da gestão em todas as áreas.

Ele me diz que quando RC diz que não tem compromisso com a reeleição de Cartaxo e o prefeito minimiza, insistindo na aliança, não o faz por medo, mais por estratégia. “Cartaxo aos olhos da opinião pública sairá como vítima da traição de RC”, explica o capa preta.

Sobre as críticas que a a gestão sofre, dispara: “Todos os prefeitos do Brasil estão neste momento passando por uma fase de baixa popularidade. Alguns nem coragem de disputar a reeleição terão. Cartaxo flutua bem entre regular, bom e ótimo e quando fizer sua prestação de contas será reconduzido”, explica. E arremata dizendo que vem aí “um rolo compressor de obras”.