Fale Conosco

Na manhã desta sexta-feira (22), durante visita a João Pessoa, o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, anunciou que o banco vai iniciar um programa de expansão no mês de março e que a Paraíba será contemplada. A cidade receberá o caminhão da caixa e negocia a abertura de lotérica e agência no Valentina. 

Segundo o presidente do banco, em todos os bairros e em cidades com mais de 40 mil habitantes a Caixa estará presente.

“Serão 51 cidades que vamos abrir agências e contratar cerca de 500 pessoas (no Brasil), sendo 48 no Nordeste. A Caixa é o banco de todos os brasileiros, em especial, os mais humildes. Aqui (em João Pessoa) tem espaço e certamente a Caixa vai financiar esta expansão. Em março a gente vai lançar o maior programa de microfinanças e microcrédito e certamente aqui é um local”, afirmando que serão duas agências abertas no estado.

Pedro Guimarães disse ainda que o caminhão da agência vem à Capital no dia 1º de fevereiro. “Depois veremos a agência, porque teremos que alugar o espaço, construir. É um pouco mais demorado. Com o caminhão vamos ouvir as demandas da população e trazer outras melhorias”. O presidente descartou, contudo, a realização de concurso público e afirmou que o governo federal já contratou cerca de 3 mil pessoas de concursos anteriores. “Vamos contratar mais porque estamos abrindo novas agências”.

Ao lado do prefeito Cícero Lucena, Pedro Guimarães, esteve no Mercado do Valentina Figueiredo, para visitar o bairro. Cícero disse que a PMJP está com ações voltadas para os que precisam e que a presença da Caixa é motivo de alegria uma vez que era uma reivindicação antiga do bairro. “Temos uma demanda junto à Caixa de um programa que ele têm de financiamento de infraestrutura para os municípios que eu pretendo avançar para que possamos calçar pelo menos mil ruas na cidade nessa primeira etapa e a Caixa está analisando essa demanda e, com certeza, o Valentina será contemplado”. O prefeito disse que para execução do serviço no bairro é necessário um investimento de R$ 10 milhões.