Fale Conosco

Não conheço ninguém que consiga esconder o fato de que a gestão de Veneziano está em seu melhor momento. Obras por tudo quanto é lado, o irmão senador e a mãe deputada federal carreando recursos para Campina ficar ainda maior.

Neste cenário ele se estadualiza pelo boca a boca de quem passa pela cidade e espalha as boas novas.

E isso, convenhamos, incomoda. Principalmente ao governador Ricardo Coutinho que sabe que Veneziano será o seu adversário em 2014.

Não por coincidência RC viaja para Cuba no calvário do concorrente e em seu lugar assume justamente o mais interessado na cassação para poder assumir a PMCG e ser o candidato do governador naquela cidade.

Sem Rômulo e podendo eleger outro vice por via indireta no Legislativo, já que seu mandato não chegou à metade, RC mataria vários coelhos com a consumação dessa hipótese que se desenha no julgamento de Veneziano no TRE.

Ficaria livre de Rômulo e o colocaria no lugar de Romero, na cabeça de chapa em Campina, contrariando Cássio que ficaria de mãos amarradas e por isso o gordinho foi para o PSD, deixando ao PSDB apenas a vice.

Elegeria outro vice de sua escolha pessoal, como fez com Agra, pois tem maioria na AL, barganhando e abrindo vaga de deputado para ascender um aliado estratégico.

Praticamente garantiria a reeleição, antecipando em três anos o processo, pois com Veneziano inelegível e Cássio idem, ele ficaria praticamente imbatível em 2014, podendo cadenciar melhor o ritmo administrativo da gestão.

Soube que a esse projeto deram o nome de “Vida longa ao Rei” e que um carneiro, um bezerro e um pisca-pisca estão no comando da ação ousada.

Só que, assim como na iniciativa privada, também na política concorrência é salutar e toda unanimidade é burra.

Para finalizar, um conselho aos amigos do Rei: por enquanto ele acha que conversa com Deus, consumando-se o cenário de reeleição antecipada ele terá certeza absoluta que é Deus, uno e indivisível e como tal não precisa de figuras menores, meros mortais.

O que vocês acham que RC vai fazer em Cuba além de cuidar de um problema no ouvido? Buscar inspiração na família Castro, que naquela ilha reina absoluta e sem concorrência…viva.