Fale Conosco

O contribuinte pagar o tratamento de saúde de um deputado já imoral, imagine pagar o de quem nem era ainda. O colunista da Revista Veja, Lauro Jardim, traz na versão online de sua coluna a informação de que o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, autorizou esse absurdo. A bagatela de mais de120 mil reais.

Falso moralista, Cunha começa a ter seus desvios divulgados e todos podemos concluir que é mais um gato por lebre da política brasileira.

Leia a nota:

Eduardo Cunha inovou e autorizou o ressarcimento de 120. 630 reais para José Carlos Aleluia uma cirurgia feita em dezembro.

Não seria nada demais se Aleluia, um dos principais articuladores da candidatura de Cunha à presidência da Câmara, fosse deputado em 2014. Mas ele só tomou posse em fevereiro.

A Câmara alega que Aleluia já fora diplomado.

Com Lauro Jardim/Veja