Fale Conosco

A deputada estadual Dra. Paula (PP) comentou, nesta terça-feira (4), a aprovação da medida provisória do “pente-fino” no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A matéria foi aprovada ontem (4) por 55 votos a 12 no Senado Federal.

De acordo com a parlamentar, penalizar quem já recebe um salário mínimo é injusto e desumano. “Eu sou médica perita, trabalhei 30 anos no INSS e sei da dificuldade dos aposentados com um salário mínimo para comprar seus remédios e fazer sua feira. E vamos penalizá-los ainda mais? Isso não é justo”, defendeu.

Questionada se teria coragem de cortar seu próprio salário, a parlamentar afirmou que sim. “Topo, claro. Vinte e poucos mil reais é muito pra quem ganha um salário mínimo. Essa desigualdade é gritante”, concluiu.

Da redação