Fale Conosco

Em entrevista a mídia paraibana o presidente do diretório do Partido dos Trabalhadores de Campina Grande (PT-CG), Alexandre Almeida, relatou ontem (01), que está confiante nas articulações que vão em caminho do PMDB indicar o vice na chpa majoritária encabeçada pelo PT nas eleições municipais de 2012 na Rainha da Borborema.

Segundo ele, o PMDB que está procurando um nome para lançar como candidato a prefeito, vai acabar entendendo que apoiar a candidatura do PT é um caminho natural, tendo em vista que o partido sempre foi um grande aliado do governo Veneziano.

O dirigente partidário afirma que o PT sempre se identificou com a gestão de Veneziano, estando inclusive participando da administração municipal em várias pastas, que possibilitou inúmeras parcerias com o governo federal comandado pelo PT. “É legitima e irreversível a candidatura própria do PT e eu aposto na composição de uma chapa com o PMDB. O senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) e o prefeito Veneziano Vital do Rêgo (PMDB) entendem essa legitimidade e tenho certeza de que não há dificuldade nenhuma de apoio a este projeto” disse Almeida.  

Alexandre Almeida, afirma que é preciso que o partido siga as orientações da Direção Nacional e Estadual da legenda que decidiu em assembleias por candidaturas próprias nos maiores colégios eleitorais do Estado. “Esse posicionamento só ratifica o que e executiva municipal já havia decidido há cerca de cinco meses”.

Quem concorda com esse posicionamento é a petista Socorro Ramalho que integra a executiva do partido na cidade e comenta que é preciso o PT voltar a ser o protagonista de uma eleição majoritária. “O PT quer dar continuidade as ações exitosas do prefeito Veneziano Vital do Rêgo, ao qual ajudou a eleger. Mas entendeu por apresentar sua candidatura própria”, afirmou Socorro.

Exportações em Campina Grande – O presidente do Partido dos Trabalhadores de Campina Grande (PT-CG) comentou que uma prova do sucesso dessa parceria PT-PMDB pode ser vista nos dados divulgados ontem pela Secretaria Nacional de Comércio Exterior (Secex), onde mostram que a Rainha da Borborema lidera o ranking das cidades exportadoras paraibanas com US$ 63,56 milhões neste ano. “João Pessoa apesar de ter maior número populacional do Estado vem registrando quedas sucessórias que já chegam há 73,48% de perdas, devido a uma falta de políticas públicas que atraiam investimentos a exemplo do que está sendo feito em Campina Grande”, afirmou Alexandre.