Fale Conosco

Apesar dos jardineiros de girassóis tentarem abafar até a ultimo momento, a guerra interna que vem se arrastando no PSB foi declarada. Essa semana, no intento de se mostrar fiel ao propósitos de Ricardo Coutinho, o presidente do PSB em João Pessoa, Ronaldo Barbosa disse em um programa de TV que ‘se dependesse dele, Luciano Agra não teria legenda para disputar a reeleição’, caso decidisse voltar atrás da decisão da renúncia.

Ofendido com as declarações do presidente do PSB de João Pessoa e secretário de Gestão Governamental e Articulação Política do município, Ronaldo Barbosa, o prefeito da Capital, Luciano Agra (PSB), resolveu exonerá-lo dos quadros da prefeitura municipal.  

O fato pode auxiliar a Polícia Federal nas investigações contra Ricardo Coutinho, isso porque Ronaldo Barbosa não vai deixar o acontecido sem punição. Nos bastidores já se comenta que Barbosa ameaçou procurar a polícia para “contribuir” com algumas investigações.

Trazendo um termo usual entre os policiais a contribuição de Barbosa seria “delação premiada”, que a é um benefício legal condedido a um criminoso delator, que aceite colaborar na investigação ou entregar seus companheiros. Esse benefício é previsto em diversas leis brasileiras: Código Penal, Leis n° 8.072/90 – Crimes Hediondos e equiparados, 9.034/95 – Organizações Criminosas, 7.492/86 – Crimes contra o Sistema Financeiro Nacional, 8.137/90 – Crimes contra a ordem tributária, econômica e contra as relações de consumo, 9.613/98 – Lavagem de dinheiro, 9.807/99 – Proteção a Testemunhas, 8.884/94 – Infrações contra a Ordem econômica e 11.343/06 – Drogas e Afins.

Caso resolva auxiliar com as investigações da Polícia Federal, Ronaldo Barbosa tem subsídios suficientes para elucidar todas as denúncias contra Ricardo Coutinho e não deixará pedra sobre pedra no covil dos girassóis.

Por enquanto, expecula-se que ele está articulando a desfiliação de Luciano Agra do PSB.

Mas não é só Ronaldo que pode ser o “delator premiado”. Vários integrantes da equipe dos girassóis que já foram deletados do grupo devem se aproveitar da informações que tem e podem ser a formigas que vão fazer esse “império” ruir, dentre eles estão Rossana Honorato, Fernando Abath, e demais demitidos tanto da Prefeitura quanto do Estado.

Vamos ver quem terá a coragem de entregar os podres do governador.