Fale Conosco

Ontem, três intervenções na mídia me chamaram a atenção pela sincronia. A primeira começou a ser ensaiada no café da manhã lá do Canelle, principal ponto de encontro de jornalistas e políticos, onde o secretário de Articulação Política da Prefeitura da Capital, Adalberto Fulgêncio, repetiu várias vezes que o governador Ricardo Coutinho “é um grande líder e tem ajudado muito Dilma e o PT”.

Depois, numa entrevista ao bom de audiência Nilvan Ferreira, da Arapuan, Fulgêncio repetiu o mantra de que RC “é um grande líder”.

Ato contínuo, a deputada Estela Bezerra declarou que acha possível PSB e PT marcharem juntos na eleição do próximo ano e na sequência da sincronização o presidente da Câmara, Durval Ferreira, mandou sua assessoria emitir a nota abaixo:

“O presidente da Câmara Municipal de João Pessoa e do PP da Capital, vereador Durval Ferreira, defendeu a manutenção da aliança do seu partido com o PT e PSB para as eleições municipais de 2016. Ele informou que, como presidente municipal da legenda, desautorizar quem quer que seja a falar em nome do PP sobre possíveis apoios e coligações para a disputa da Prefeitura.

“Eu acredito que a tendência é que essas três legendas caminhem juntas para o processo eleitoral do ano que vem. E eu defendo essa tese”, ressaltou Durval. O parlamentar afirmou que não foi procurado, até hoje, por nenhum representante de partidos, que não fazem parte dessa aliança, para dialogar sobre questões políticas ou eleitorais que fujam da sua tese de manter o PP, PT e PSB unidos.

O presidente Durval Ferreira defendeu ainda que, além do PP, PT e PSB, as demais legendas que também compõem a aliança permaneçam coligadas. “Apoio e concordo com a manutenção do dialogo com todos os partidos da coligação. Não concordo com outro pensamento foram dessa possibilidade. Nós continuaremos fortes e firmes”, avisou Durval.”

Pergunto: o que mudou nas últimas 72 horas nos bastidores da relação Cartaxo/RC? A encenação continua ou a fragilidade da atual posição da Presidenta Dilma e os gestos do governador de solidariedade a ela e a possibilidade de ele manter o PSB na base, arrefeceram os ânimos aqui na província?