Fale Conosco

Ao responder as supostas cobranças de lealdade por parte do  senador Aécio Neves(PSDB-MG), o senador paraibano e vice-presidente do senado, Cássio Cunha Lima(PSDB), disse” não dever lealdade a Aécio”.

Através de uma notícia publicada no último domingo(09) pelo jornal O Globo, Aécio estaria descontente com a postura do paraibano de liderar no Senado, um movimetno favoravél a saída dos tucanos do governo do presidente Michel Temer (PMDB).

A notícia foi publicada na coluna do jornalista , Lauro Jardim, segundo o jornalista Aécio não estaria feliz com os posicionamentos dos discursos feitos por Cássio e estaria cobrando lealdade do paraibano. A cobrança do senador mineiro foi recebida com um tom de ameaça por parte da mídia.

Cássio por sua vez respondeu afirmando não dever nada a Aécio e apenas nutre uma boa relação com o companheiro de legislativo. Segundo o vice-presidente do senado, ele apenas deveria lealdade ao povo paraibano, a memória do seu falecido pai, o ex-senador da República Ronaldo Cunha Lima e a Deus.

Em entrevista a Arapuá, Cássio voltou atrás  negou que o senador Aécio Neves tenha cobrado a ele lealdade, conforme publicou o jornalista Lauro Jardim.

Cássio afirmou que houve um mal entendido do jornalista e revelou que a informação foi corrigida na própria coluna de Lauro. O senador foi enfático ao ressaltar que só deve lealdade ao povo paraibano.

“O próprio Aécio desmentiu. É lógico que não tem sentido qualquer ameaça, primeiro porque a lealdade só devo ao povo da Paraíba. Meu mandato é do povo da Paraíba, dever se fidelidade só à memória do meu pai e temor a Deus. Tenho com o senador Aécio Neves uma boa relação, ele não teria nenhuma razão para me ameaçar”, declarou.

Em sua coluna veiculada na versão online do jornal O Globo, o colunista Lauro Jardim disse que o senador Aécio Neves (PSDB-MG) não anda satisfeito com o seu colega de partido.

A nota é curta e bem contundente. “Ao apresentar argumentos de por que não deveria ser abandonado, Aécio Neves foi especialmente duro com Cássio Cunha Lima e Tasso Jereissati. Lembrou que tem ótima memória”, revelou o colunista de O Globo.

 

Fonte: PB Agora