Fale Conosco

Leiam esta manchete: “Pesquisa Correio: Maranhão lidera com 40,1%, Ricardo tem 32,6 e Cícero 8,7”. Estes eram os números da pesquisa Consult/Correio em março de 2010. Para que se tenha uma ideia o texto dizia: “Pesquisa de intenções de voto ao Governo do Estado, realizada pelo Instituto Consult  para o jornal Correio aponta, na consulta estimulada, favoritismo do governador José Maranhão (PMDB) que detém a preferência de 40,1% dos entrevistados a cinco meses e meio das eleições de outubro. 

Em segundo lugar, está o prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB), com 32,6%. O senador e ex-prefeito da Capital, Cícero Lucena Filho (PSDB), está em terceiro lugar, com 8,7% das intenções de voto dos paraibanos. 12,05% dos eleitores ouvidos disseram não saber em quem votar e 6,55% afirmaram que não votariam em nenhum dos três.”

Em junho de 2010 as mesmas empresas divulgavam: “Nova pesquisa: José Maranhão lidera com 43,75% e Ricardo Coutinho cai para 32,7%“…

Eu poderia passar o resto do dia citando os números do passado, mas de nada adiantaria, afinal resultado de pesquisa é sempre contestado. Porém, quando olhamos para trás vemos que pouca coisa se aproveita de previsões como estas.

Recentemente o IBOPE cometeu o erro imperdoável de não colocar o nome de estela Bezerra em uma das fichas e agora? Em quem confiar?

Confie em sua própria vontade e pronto!