Fale Conosco

EXCLUSIVO – A notícia é super confidencial, mas como nem todo mundo consegue segurar a língua, chegou aos nossos ouvidos na manhã de hoje que o Conselho Nacional de Justiça abriu investigação contra um juiz paraibano que tem relações estreitas com alto escalão do STJ em Brasília.

Esse magistrado/lobista investigado estaria a disposição de um peixe grande para livrá-lo e aos seus companheiros de qualquer tipo de processo criminal, beneficiando-os com sentenças favoráveis.

Para isso, o homem da lei recebe uma média de R$ 500 mil por sentença. Ou seja, a cada complicação do grupo em questão, o juiz lucra o suficiente para comprar um apartamento a beira mar. Vem bomba por aí.

O negócio é nacional. Um dia a casa cai!