Fale Conosco

Um grupo de apoiadores do prefeito Romero Rodrigues (PSD) e do candidato a prefeito do grupo Bruno Cunha Lima (PSD), pressionaram na manhã desta quinta-feira (01) o presidente da Republica Jair Bolsonaro em visita que o mesmo fez a cidade para que o chefe do executivo nacional pressiona-se a Policia Federal (PF), Ministério Público Federal (MPF) e Controladoria Geral da União (CGU), para que parecem as investigações da Operação Famintos’ que investigam desvios milionários na merenda por uma ‘Orcrim da Merenda’ instalada na atual gestão do PSD.

As pessoas usaram cartazes e gritos de ordem para tentar chamar atenção do presidente sobre o possível o risco da Famintos e que a PF parasse as investigações, evitando danos a campanha de Bruno Cunha Lima (PSD) – candidato do grupo situacionista. Eles gritaram várias vezes a expressão “Famintos” em referência a investigação da Polícia Federal, do MPF e da Controladoria da União que descobriu a existência de uma organização criminosa que atuava na compra da merenda escolar do município.

VEJA REGISTRO em anexo feito no Aeroporto João Suassuna de Campina Grande.
https://www.instagram.com/p/CFzWW7YpqIx/?utm_source=ig_embed&utm_campaign=embed_video_watch_again

Redação