Fale Conosco

A NHR Táxi Aéreo, empresa responsável pelo fretamento da carga de mais de 1kg de cocaína que foi apreendida em uma aeronave no Sertão da Paraíba na última quarta-feira (9), afirmou em nota nas redes sociais que foi contratada para transportar, em tese, caixas de peças automotivas. Na postagem, a empresa diz que foi enganada e destaca atuação idônea, com mais de 20 anos, na área de fretamento aéreo.

”Dessa forma, a empresa NHR esclarece que não tem qualquer relação com a droga encontrada no interior de sua aeronave, bem como não tinha ciência alguma de que transportava produtos ilícitos, sendo tão vítima quanto a coletividade”, diz trecho da nota divulgada pela NHR.

Veja a nota na íntegra abaixo: