Fale Conosco

Através de suas redes sociais, Ciro Gomes (PDT), denunciou que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) retirou o Portal da Transparência do ar após os gastos exorbitantes com o cartão corporativo ganharem repercussão nacional.

“Isto jamais aconteceu na história Brasileira!”, declarou Ciro, que ainda faz um apelo: “Alô Ministério Público, vai ficar por isso mesmo?”, completou.

Em 2020, o Governo Federal gastou R$ 1,8 bilhão em alimentos, sendo R$ 15 milhões apenas com leite condensado.

Em seu Twitter, o político também afirmou que ingressou com uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) pedindo explicações sobre as altas despesas registradas pelo governo no ano passado. “Ingressamos no STF com uma ação pedindo uma investigação sobre o leite condensado e tudo mais que envolve esses gastos absurdos”, relatou Ciro Gomes.

Confira as publicações de Ciro Gomes no Twitter: