Fale Conosco

Prefeitos das duas maiores cidades da Paraíba, Luciano Cartaxo (PT-João Pessoa) e Romero Rodrigues (PSDB-Campina Grande) se reuniram nesta quinta (26) e fecharam uma parceria administrativa. Eles decidiram atuar conjuntamente, cujo foco é o desenvolvimento dos municípios que governam. O encontro aconteceu no Centro Administrativo da Capital, em Água Fria.

A propósito, outros encontros entre Luciano e Romero deverão acontecer nos próximos dias. Desta vez, em Campina Grande. O prefeito de João Pessoa pretende retribuir a visita em data ainda a ser marcada, mas deverá acontecer imediatamente, pois a parceria celebrada exige que eles permaneçam em contato permanente.

Foi uma reunião bastante proveitosa, segundo expressaram os dois prefeitos. Romero estava acompanhado do secretário de Obras André Agra Gomes de Lira, também do coordenador de Comunicação, jornalista Marcos Alfredo. Na ocasião, foi apresentado a Cartaxo o projeto do Complexo Aluísio Campos, no Ligeiro, uma obra em construção no maior conjunto habitacional do País, com 4.100 unidades e investimentos na ordem de R$ 300 milhões.

romerocartaxo

Romero explicou a Luciano Cartaxo, que esteve acompanhado na reunião pelo secretário executivo de Comunicação, publicitário Anderson Pires, que o núcleo residencial, ganhará em seu entorno um avançado Pólo Industrial com centenas de empresas, beneficiando 16.400 pessoas. A gestão de Campina Grande também promete escolas, creches e pavimentação na área.

O prefeito de João Pessoa prometeu visitar as obras em Campina Grande nos próximos dias e recebeu convite oficial do tucano para participar da abertura do São João de Campina Grande.

Nos próximos dias, conforme os acertos, Romero Rodrigues fará uma visita às principais obras em andamento em João Pessoa, tocadas pelo prefeito Luciano Cartaxo.

“Embora partidariamente em campos opostos, tenho com o prefeito Cartaxo o mesmo sentimento de que podemos perfeitamente construir alternativas de parcerias e entendimento administrativo em favor da Paraíba”, destacou Romero Rodrigues.