Fale Conosco

Apontada neste ano pela Revista Exame como a melhor Capital do Nordeste para se viver em virtude de uma série de investimentos em saúde, educação, infraestrutura e habitação, entre outros, a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) deu mais um passo, na manhã desta terça-feira (17), para gerar mais qualidade de vida para a população. O prefeito Luciano Cartaxo assinou a ordem de serviço para a construção da Praça da Família, um investimento de quase R$ 500 mil no bairro Mangabeira VII, para oferecer aos moradores da região, mais um espaço de bem-estar, convivência, esporte, cultura e lazer.

Instalada ao lado de uma Unidade de Saúde da Família (USF), a nova praça era uma reivindicação antiga dos moradores e apresentada como demanda no Orçamento Participativo. “Estamos atendendo a um pedido da população e dos vereadores, que esperavam há muitos anos por esta praça. Eles aguardavam por este momento de início das obras e nós estamos priorizando para que no início do próximo ano possamos fazer a entrega. Vamos ter aqui um espaço de bem-estar, convivência, harmonia, esporte, dentro da política da nossa gestão de oferecer mais espaços que geram qualidade de vida ao nosso povo”, afirmou Luciano Cartaxo.

De acordo com o secretário de Infraestrutura (Seinfra), Cássio Andrade, a Praça da Família deve ficar pronta em até cinco meses e contará com playground, calçadão, iluminação ornamental e Academia da Terceira Idade (ATI), para que os idosos também possam praticar atividades físicas. “É uma praça realmente para toda a família e como ela será instalada em um terreno plano, isso agiliza muito a execução das obras. No início do próximo ano o prefeito já estará a entregando à população”, afirmou.

Luciano Cartaxo destacou que esta é a 41ª praça que a Prefeitura vai entregar totalmente construída ou reformada e, além de oferecer mais um espaço de convivência e lazer, também contribui para gerar mais segurança à região. “Com a praça nós convidamos a população a sair de casa, a praticar esportes, fazer atividades físicas, ter momentos de lazer e cultura. Chamamos o povo a viver a cidade e, com a iluminação adequada, isso contribui para termos locais mais seguros, mais tranquilos. É um investimento que se traduz em qualidade de vida”, afirmou.