Notícias

Carro que voa começa a ser vendido na Holanda

A companhia holandesa Pal-V anunciou na última semana o início da pré-venda de dois modelos de carros voadores, os primeiros comerciais do tipo no mundo. As encomendas do Liberty Pioneer Edition e Liberty Sport começarão a ser fabricadas neste ano e a estimativa é que os pedidos sejam entregues até o final de 2018. Os veículos são destinados a uso pessoal e cumprem padrões regulatórios europeus e americanos.

Os modelos da Pal-V (Personal Air and Land Vehicle, veículo pessoal aéreo e terrestre, em tradução livre do inglês) são um híbrido entre um carro esportivo de dois lugares e uma aeronave – as hélices ficam dobradas em cima do teto. A conversão entre as duas funções dura cerca de 10 minutos. Como automóvel, pode rodar a até 160 quilômetros por hora e tem autonomia de 1.300 quilômetros. Já nos ares, a velocidade máxima é de 180 quilômetros por hora, e pode cobrir uma distância de até 500 quilômetros.

A ideia do carro voador é que possa ser operado por pessoas que tenham a mesma licença usada para aeronaves privadas, e o equipamento funciona com gasolina comum. Fechados, os modelos podem ser guardados dentro de uma garagem destinada a automóveis. Porém, ao contrário de um helicóptero, é preciso uma pista com tamanho mínimo de 180 metros para decolar e de 90 metros para pousar o veículo da Pal-V. Apesar da semelhança visual entre os dois equipamentos, o sistema de hélices funciona de maneira diferente.

O preço da versão Liberty Pioneer Edition, mais completa e mais luxuosa, é de 449.000 euros (1,46 milhão de reais), sem taxas. E o Liberty Sport sai por 299.000 euros (972.000 reais). Os interessados em adquirir os primeiros modelos devem fazer um depósito inicial de 25.000 euros (81.300 reais) e 10.000 euros (32.500 reais), respectivamente.

Fonte:Veja