Fale Conosco

Agora é o fim mesmo, o caos da saúde chegou à Maternidade Cândida Vargas, uma médica da unidade acabou de falar, em uma rádio, que a situação está muito complicada.

A médica disse que a Maternidade não tem condições de aceitar nenhuma mulher, mesmo em trabalho de parto. Ela aproveitou o espaço na rádio para pedir que quem precisar de atendimento urgente não procure a unidade porque, IMAGINEM, já há muitas mulheres sendo submetidas à parto cesariana em macas, isso porque não há camas para que o procedimento seja realizado com dignidade e segurança.

Não sei quando nem como isso vai acabar, mas digo ao Prefeito Luciano Agra que está na hora de fazer alguma coisa pela saúde em João Pessoa. Prefeito, deixar mulheres em trabalho de parto passarem por toda a dificuldade que estas mulheres estão passando é desumano.

Coloque a mão na consciência!

Em tempo: Governo, é muito feio culpar o CRM por não ter assinado acordo com médicos grevistas, isso não está certo.