Fale Conosco

A Câmara Municipal de Campina Grande (CMCG), de acordo com informações do Tribunal de Contas do Estado (TCE), está com a folha de pagamento, custando aos cofres públicos, mais de R$ 1 milhão.

Esse valor nos próximos meses ainda poderá aumentar um pouco mais. É que foi sancionada uma lei na Câmara de Campina Grande, que cria 276 cargos de assessor parlamentar, sem precisar de concurso público. De acordo com o texto, cada vereador cada vereador terá direito a 12 auxiliares, que receberiam salários variando entre R$ 954,00 a R$5.000,00. A lei é retroativa a 1º de janeiro de 2017, quando iniciou a gestão da atual presidente Ivonete Ludgério (PSD).

Segundo informações do Sagres, do TCE, em fevereiro, o valor destinado ao pagamento da folha de pessoal da Câmara foi de R$ 1.392.186,50, com 396 servidores, sendo 300 contratados por excepcional interesse público. Redação com ParaíbaJá