Fale Conosco

 Véspera de ano eleitoral e o anúncio do pagamento do 13º salário para todos os prestadores de serviço da Prefeitura Municipal de João Pessoa. Essa seria uma notícia ótima, se não fosse uma pedra no meio do caminho, nada mais nada menos do que ela: a Secretária de Saúde Roseana Meira

É que Mesmo o prefeito Luciano Agra (PSB) (ex-marido de Roseana Meira) tendo anunciado o beneficio no site da prefeitura e na imprensa escrita e falada, uma abelhinha me contou que Roseana não autorizou o aumento para os profissionais que salvam vidas na Capital – enfermeiros, médicos, motoristas e técnicos de enfermagem do Samu de João Pessoa não tiveram direito ao tão sonhado 13º salário.

Vale lembrar que um motorista e um técnico de enfermagem do Samu de João Pessoa só têm direito a dar 10 plantões no mês, e por cada plantão de 12h, recebem a pequena bagatela de quase R$ 72 (setenta e dois reais).

O fato é que: Eles não trabalham em regime de cooperativa. Eles são lotados como prestadores de serviço e como tal, também ficaram alegres com o anuncio do candidato a reeleição Luciano Agra. Só que um fator foi esquecido – quem manda na Secretaria de Saúde de João Pessoa e até do Estado é a ex-mulher de Luciano Agra e ela já anunciou que não vai dar o aumento. 

Ela pode justificar com a desculpa de que estes profissionais já receberam um aumento esse ano. Pois eu lhe digo: depois de cinco anos, passados os governos RC e agora o de Agra, os profissionais do Samu (técnicos e motoristas) receberam um aumento irrisório de R$ 10 (dez reais) a mais por plantão. O que era R$ 62 agora é R$ 72.

 Luciano Agra em nenhum momento anunciou que existiam prestadores diferenciados. Todos nós sabemos que existem prestadores de serviços e efetivos trabalhando. Portanto, o prefeito não cumpre a sua primeira promessa.

 Vocês eleitores, vão esperar ele ser reeleito para ver ele não cumprir as próximas? Cá pra nós, Agra e Roseana são duas carasa da mesma mordea. Um morde o outro assopra, ambos comem na mão do de Ricardo Coutinho que, além de governador é o prefeito de fato.