Fale Conosco

O PSL, o PT do B e o PTN fecharam um acordo em João Pessoa para definir em conjunto qual pré-candidatura as três legendas iriam apoiar na corrida pela sucessão eleitoral, na base do ‘aonde a vaca vai, o boi vai atrás’.

Até aí tudo bem, nada de anormal. Mas o fato intrigante no meio desse acordo é que o PTN de João Pessoa, até agora, tem uma pré-candidatura lançada através do nome do deputado estadual Toinho do Sopão, que por sua vez alardeia pelos quatro cantos que a candidatura é pra valer.

Então, por que os três partidos fechariam um acordo para decidir a quem vão se juntar, se um desses partidos possui candidatura própria. Já dizia o nobre Shakespear “Há algo podre no reino da Dinamarca”, eu complementaria ‘Há sim!!”. Toinho do Sopão caiu dentro da Assembleia de paraquedas e agora quer se igualar as velhas raposas, porém esqueceu de esconder os rastros.

A novidade é que Toinho do Sopão não vai levar a pré-candidatura a prefeito em diante e ao lado de Genival Matias e Tião Gomes vai tentar leiloar o apoio do partido para, supostamente, fazer o caixa II para a campanha a reeleição de 2014.

Só quem não entende de política é que iria acreditar que Genival Matias e Tião Gomes iriam colocar a cara a tapa para apoiar a candidatura do famigerado Toinho do Sopão (PTN). Toinho está é dando uma de doido para ser procurado e assediado pelos concorrentes.

Do Sopão, Toinho agora quer voltar ao antigo nome, o de Toinho do ‘Bolo’, porque é de ‘bolo’ que a política vive.