Fale Conosco

Circula pelos bastidores da imprensa paraibana que o prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima, não gostou de ser interrompido enquanto concedia entrevista à uma rádio local. Com os microfones desligados, o gestor teria dado um ‘chilique’.

Ele dava declarações à radio CBN quando os jornalistas pediram para que sua fala fosse interrompida momentaneamente, visto que estava na hora de entrar no ar o “Repórter CBN”, quadro que segue as normativas nacionais da emissora.

Mas Bruno não gostou de ter seu raciocínio cessado. Fora do ar, discutiu com os jornalistas do lugar expondo sua insatisfação. Logo depois, desligou ‘na cara’ dos profissionais, abandonando a entrevista.