Fale Conosco

Vem do Sertão mais uma curiosidade digna de ser apresentada em domingo bucólico. Trata-se da misteriosa lenda urbana sobre um bode que para não morre se ajoelhou. 

Leia o que saiu lá no Diário do Sertão e em vários outros sites do vizinho estado do ceará e que repercuto aqui em nosso Blog: 

Um bode ficou famoso e virou celebridade na cidade de São José de Piranhas, quando escapou da morte. De acordo com informações dos moradores, o animal teria se ajoelhado para escapar da morte. Ele seria abatido para festejar o aniversário do pai do seu proprietário, mas o pai do dono morreu antes da festa. 

A data da matança do bode foi adiada para comemorar uma data especial do irmão do proprietário do animal e mais uma vez a história se repetiu, o parente do proprietário faleceu. Depois desses fatos, o bode ganhou o nome de “Diouro”, e anda livremente pelas ruas de São José de Piranhas, pois ninguém tem coragem de maltratá-lo. 

 “Diouro” vem sendo destaque na mídia paraibana e nordestina. O moradores gostam de ver o bode passear pelas ruas da cidade e lhe oferecem cachaça, cerveja e até cigarro. O animal parece gostar das ofertas e fica sempre nos arredores de bares. 

Proprietário

O sr. Otonilton do Carmo, que é dono de “Diouro”, afirmou que ficou receoso com tudo que aconteceu e sendo coincidência ou não não vai mais tentar matar o animal. “Prefiro deixar ele solto por ai”, disse. 

Veja vídeo: