Notícias

Blogueiro ironiza sobre multa eleitoral: “Vou pagar em Euro”

O blogueiro Marconi Lucena, de Itabaiana, foi acusado de realizar propaganda antecipada em seu blog “Itabaiana hoje” antes do pleito de outubro do ano passado, o que motivou representação por “promover o desequilíbrio da disputa eleitoral” em Juripiranga em favor de determinado candidato a prefeito da cidade. Em sentença, a Juíza Luciana Rodrigues Lima, da 6ª Zona Eleitoral, notificou o blogueiro para pagar multa no valor de R$ 5.000 reais no prazo de 30 dias, sob pena de ter seu nome inscrito no CADIM – Cadastro Informativo dos Créditos Não Quitados dos Órgãos e Entidades Federais.

Segundo o procurador Regional Eleitoral, João Bernardo da Silva, em virtude do alcance das redes sociais e internet, as penalidades para as infrações são maiores caso se configurem como propaganda antecipada. “Como todos estes sites e redes sociais são em princípio acessíveis por muitos eleitores internautas, as mensagens de propaganda antecipada ou pedindo votos foram bastante fiscalizados pela Justiça Eleitoral”, disse. Se a propaganda antecipada for na internet, a multa é de R$ 5 mil a R$ 30 mil.

O blogueiro Marconi Lucena disse que foi vítima de censura e ironizou a sentença que destina a multa para o Fundo Partidário; “Estou muito feliz por poder contribuir com esse ‘Fundo das Prostitutas Partidárias’, mas antecipo que vou pagar em euro. Enfim, fiquei sabendo pela Justiça que, o que dá multa é opinião e não compra de votos”, disse ele nas redes sociais.

Fonte: OsGuedes