Fale Conosco

O governo federal prorrogou o auxílio emergencial por dois meses, mas não estendeu o prazo para solicitar a ajuda de R$ 600 ou R$ 1.200. Assim, quem tem direito ao auxílio e ainda não pediu o benefício precisa fazer a solicitação até esta quinta-feira (2), quando termina o prazo.

Segundo o Ministério da Cidadania, o sistema não vai mais aceitar cadastros a partir de sexta-feira (3). Contudo, “os canais hoje usados continuarão disponíveis para informações aos cidadãos e aceitar contestações”.

O ministério não esclareceu, porém, o que acontece com quem tiver o pedido negado e precisar fazer uma nova solicitação ou com quem receber a mensagem de que os dados informados são inconclusivos e que também precisaria fazer um novo cadastro.

Segundo a Caixa, a partir desta sexta (3), “não serão aceitos novos cadastros, porém o site e o app CAIXA Auxílio Emergencial permanecerão disponíveis para acompanhamento do resultado da análise e informações sobre os crédito das parcelas, bem como para registro de contestações ou novas solicitações nos casos em que o motivo da não habilitação permitir tais ações”.

Devem fazer a solicitação até esta quinta-feira os trabalhadores informais, contribuintes individuais da Previdência Social, desempregados e os MEIs (microempreendedores individuais) pelo site da Caixa ou aplicativo (disponível para sistema iOS e Android).

A informação é do UOL